<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d8047882057411995768\x26blogName\x3dDepois+dos+Quinze.\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://depoisdosquinze.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://depoisdosquinze.blogspot.com/\x26vt\x3d-6378420169756237470', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
para o mundo eu não quero crescer,
23 de jun de 2009 terça-feira, junho 23, 2009


depois que fiz quinze, muitas pessoas me disseram para aproveitar bem, porque depois dos quinze a vida passa voando. Isso não é uma coisa boa, na verdade gostaria que a vida parasse aos 18, talvez pela independência ...não que eu ainda tenha aquela idéia imatura de ser uma garota de dezoito anos com uma bebida na mão e um grupo de amigos, em um carro vermelho (não pergunte porque do vermelho) andando sem rumo por ai (super filme americano isso né?). Meus planos mudaram bastante ultimamente. Ser independente, tomar atitudes sem ter que ter que ter a permição de ninguém, seja o que mais inveje nas “dezoitonas”.. Em questão te maturidade, acho que ao contrario que muitas pessoas acham, ela não é diretamente proporcional a idade. A idade esta sim, muitas vezes relacionada a experiência, mas não precisamos viver alguma coisa, para saber se ela é certa ou errada. Tem uma frase que eu gosto muito que diz “Nós não precisamos errar, para acertamos”. Ou seja, com erros dos outros, podemos tirar conclusões para nós mesmas, sempre fiz isso. Talvez por isso seja matura, mas não experiente. Enfim, acho que vou cortar as azas do tempo, para que ele não passe voando por mim.



Novembro 2008
Março 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Novembro 2009
Dezembro 2009
Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Março 2010
Abril 2010
Maio 2010

Um pouco + sobre Txt inlove Txt Sentimentos Closet 5 coisas Moda Ougod De quinze em quinze Make up fotografia link Passendo pelo Flickr Meus Poemas Fikdik egocentrismo Famosos? Oscar Depoisdosquinze Tentando entender Textos dos outros Surtei Listen MeMe's

Para melhor visualização
desse BLOG utilize
o Google Chrome.

Loading