<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d8047882057411995768\x26blogName\x3dDepois+dos+Quinze.\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://depoisdosquinze.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://depoisdosquinze.blogspot.com/\x26vt\x3d-6378420169756237470', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
18 de mai de 2009 segunda-feira, maio 18, 2009

se é pra falar de coisas que já vivi, posso dizer que quase tudo aconteceu cedo demais, não que eu tenha algo a reclamar, pois tudo quase sempre acaba bem. Nasci cedo, de oito meses, pequena garotinha dos olhos pequenos com a cor e o brilho noite, que trouxe sorrisos e algumas lágrimas, o medico chegou a dizer que talvez eu não sobreviveria, e olha aqui estou. me arrependo de muitas coisas que fiz, mas sinceramente acho que não mudaria nada, porque essas coisas me fizeram aprender outras. acho que aprendi sobre sentimentos cedo demais, não que isso seja ruim. pelo contrario, hoje eu sei o valor de uma atitude, de uma palavra até mesmo de um silêncio. talvez eu ainda tenha que aprender muitas coisas, talvez eu mude daqui a um minuto é, acho que sempre fui assim. hoje tenho certeza de algumas coisas que não tinha antes, mas acho que isso é normal, as coisas sempre estão mudando e o tempo passa cada vez mais rapido, consegui ver isso claramente hoje, um ano atrás eu estava com uma cabeça COMPLETAMENTE diferente da que estou hoje, e acho que ano que vem eu vou dizer a mesma coisa, é complicado tentar entender essas coisas, nem sei porque ainda tento né? bom, esse é meu depoimento.
quinze primaveras, um grande amor, muitas paixoes, varios sonhos e um desejo:
ser feliz hoje.



Novembro 2008
Março 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Novembro 2009
Dezembro 2009
Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Março 2010
Abril 2010
Maio 2010

Um pouco + sobre Txt inlove Txt Sentimentos Closet 5 coisas Moda Ougod De quinze em quinze Make up fotografia link Passendo pelo Flickr Meus Poemas Fikdik egocentrismo Famosos? Oscar Depoisdosquinze Tentando entender Textos dos outros Surtei Listen MeMe's

Para melhor visualização
desse BLOG utilize
o Google Chrome.

Loading